QUINTA-FEIRA, 19 DE SETEMBRO DE 2019
Publicada dia: 24/05/2019

Esta maquete incrível da Roma Antiga levou 35 anos para ser feita

Fonte: megacurioso.com

A maquete que você poderá ver a seguir, feita em gesso, foi criada pelo arqueólogo italiano Italo Gismondi – um cara que dedicou mais de 35 anos de sua vida na construção do modelo. Ela, conforme mencionamos no título, retrata a cidade de Roma, mas não a moderna metrópole atual, e sim a do século 4, época em que Constantino I, o Grande, era seu Imperador. Dê uma olhadinha na imagem abaixo:

 

ADVERTISING

(Reprodução / Open Culture / Museu da Civilização Romana)

Trabalho monumental

A maquete se encontra em exposição no Museu da Civilização Romana, em Roma, e foi batizada por seu criador de Plastico di Roma Imperiale. O modelo foi construído na escala 1:250, e para criá-lo, Italo, o arqueólogo, se baseou no mapa Forma Urbis, feito no início do século 20 por Rodolfo Lanciani, outro arqueólogo italiano, para desenvolver o núcleo inicial, e em fragmentos do Forma Urbis Romae – ou Plano de Mármore Severano, um imenso mapa da Roma Antiga esculpido em mármore no início do século 2 que era composto por 150 placas que, juntas, mediam 18 metros de largura por 13 m de altura.

(Reprodução / My Modern Met / Museu da Civilização Romana)

A reconstrução de Italo mede 16 metros de comprimento por 16 m de altura, aproximadamente, e o arqueólogo fez uso de mapas e informações detalhadas para recriar monumentos famosos, como o Coliseu e o Panteão. Já para os edifícios que serviam de residência aos antigos romanos, assim como estruturas das quais não existem referências arqueológicas, Italo empregou modelos de construções da época.

(Reprodução / My Modern Met / Museu da Civilização Romana)

A maquete foi encomendada por Benito Mussolini em comemoração aos 2 mil anos da morte de Augusto. A versão preliminar da maquete foi apresentada nessa ocasião em uma grande exposição, mas Italo continuou trabalhando no modelo. Então, a cidade em miniatura foi transferida para o Museu da Civilização Romana na década de 50, onde o arqueólogo continuou expandindo a maquete até finalizar o minucioso modelo, em 1971. Hoje, a obra é reconhecida como uma das representações mais detalhadas e fieis da Roma Antiga. Confira mais imagens abaixo:

(Reprodução / My Modern Met / Museu da Civilização Romana)

(Reprodução / My Modern Met / Museu da Civilização Romana)

(Reprodução / My Modern Met / Museu da Civilização Romana)

(Reprodução / My Modern Met / Museu da Civilização Romana)

(Reprodução / My Modern Met / Museu da Civilização Romana)

(Reprodução / Open Culture / Museu da Civilização Romana)

(Reprodução / Open Culture / Museu da Civilização Romana)